Livros de Epicteto

Lembrai-vos que em toda festa, tendes dois convivas a entreter - o corpo e a alma; e o que dais ao corpo, na realidade o perdeis. Mas o que dais à alma, permanece para sempre.

Sobre o Autor

Epicteto

Epiteto, do grego Epictetus (50-130 a.C.), filósofo frígio, região da atual Turquia.

Melhores Livros de Epicteto

Mais frases de Epicteto

Não te alongues a contar as tuas façanhas, nem os perigos que terás passado; não podes querer que os outros tenham tanto prazer em escutar-te como tu em contá-los.

São as dificuldades que mostram os homens.

Se beberes água, não digas por tudo e por nada que bebes água.

Todo o grande poder é perigoso para um debutante.

Eu sou uma parte de tudo, tal como a hora é uma parte do dia.

Os homens são movidos e perturbados não pelas coisas, mas pelas opiniões que eles têm delas.

Desterra de ti desejos e receios e nada terás que te tiranize.

Qual é a primeira coisa que deve fazer quem começa a filosofar? Rejeitar a presunção de saber. De fato, não é possível começar a aprender aquilo que se presume saber.

Querias ser livre. Para essa liberdade, só há um caminho: o desprezo das coisas que não dependem de nós.

A tua tarefa é a de representares corretamente a personagem que te foi confiada. Quanto a escolhê-la, depende de outro.

O nosso bem tal como o nosso mal não existem senão na nossa vontade.

Procura limpar a vasilha antes de lançar nela seja o que for; quer dizer, antes de pregar a virtude, reforma os teus costumes.

Sucesso é encontrar aquilo que se tenciona ser e depois fazer o que é necessário para isso.

Na vida, não nos apresentamos a ninguém que possa confundir-nos e odiamos quem nos confunde.

Um adulador parece-se com um amigo, como um lobo se parece com um cão. Cuida, pois, em não admitir inadvertidamente, na tua casa, lobos famintos em vez de cães de guarda.

A felicidade não consiste em adquirir nem em gozar, mas sim em nada desejar, consiste em ser livre.

A alma reluta em ser privada da verdade.

Só a educação liberta.

O homem sábio é aquele que não se entristece com as coisas que não tem, mas rejubila com as que tem.

Não tente fazer com que os fatos aconteçam como você quer, mas deseje que aconteçam como eles acontecem e você se sairá bem.

O amor é cuidado em um peito ocioso, pejo no moço, vergonha na virgem, na mulher furor, no homem fogo e no velho riso.

Lembrai-vos que em toda festa, tendes dois convivas a entreter - o corpo e a alma; e o que dais ao corpo, na realidade o perdeis. Mas o que dais à alma, permanece para sempre.

Não te digas filósofo nunca, nem fales em máximas na presença de ignorantes, mas age de acordo com essas máximas. Assim, num banquete, não ensines como é preciso comer, mas come de maneira conveniente.

A cada passo encontramos cãezinhos a brincar uns com os outros; parece que entre eles reina sincera amizade; mas se lhes atirardes um osso quando brincam, ei-los inimigos; pegam de rosnar, ameaçando, e daí a pouco dilaceram-se. Tal é, frequentemente, a amizade dos irmãos, de pais e de filhos.

As ovelhas não vão mostrar aos pastores o que comeram; pelo contrário, depois de bem digerido o pasto, dão-lhes lã e leite. Do mesmo modo não deves desperdiçar entre ignorantes, belas máximas; procura digerí-las e dá-las a conhecer por meio dos teus atos.

Se quiser melhorar, dê-se por feliz de ser considerado como imbecil

Apenas os educados são livres.

Qualquer pessoa capaz de te irritar se torna teu mestre; ela consegue te irritar somente quando você se permite ser perturbado por ela.

O progresso moral não é um privilégio natural das elites nem é adquirido por acaso ou por sorte, mas através do trabalho de si mesmo - diariamente.

Primeiro aprenda o significado do que você diz, e então fale.

Dificuldades são coisas que mostram o que os homens são.

É um homem sensato aquele que não lamenta pelo que não tem, mas se alegra pelo que tem.

Quando você decidiu que uma coisa tem que ser feita, e a está fazendo, nunca evite de ser visto fazendo-a, mesmo que uma multidão possa provavelmente julgá-la inapropriada. Pois se você não está agindo corretamente, evite o ato em si; se estiver agindo corretamente, no entanto, porque temer a censura errada?