"Ele vivia assim em plena depressão ultimamente. Solidão!!! Solidão!!! Eu sou testemunha que ele queria que Kika voltasse morar com ele. Ele precisava de uma família, sentia falta. Ela não voltou, teve medo! (não a culpem) a barra era pesada demais. Ele se deixou morrer, sem se cuidar. Ele era um suicida em potencial. Deus cuide de sua alma, meu filho, minha dor! escrito por: D. Maria Eugênia Seixas."

Raul Seixas


Raul dos Santos Seixas (28 de junho de 1945, Salvador, Bahia - 21 de agosto de 1989, São Paulo) foi um músico brasileiro.

Comentários