Paulo Franchetti é um crítico literário, professor e escritor brasileiro, nascido em São Paulo.

Paulo Franchetti é um crítico literário, professor e escritor brasileiro, nascido em São Paulo.

Frases e Pensamentos

74 frases no total. Página 2/3, de 31-60

    "De uma casa branca
    No meio da encosta da montanha
    Sobe um fio de fumaça."

        Paulo Franchetti

    "É quase noite -
    As cigarras cantam
    Nas folhas escuras."

        Paulo Franchetti

    "A igreja branca
    Sufocada entre eucaliptos -
    Aldeia de minha mãe..."

        Paulo Franchetti

    "Nem laranjas, nem café:
    Apenas canaviais
    Sob um céu vazio."

        Paulo Franchetti

    "Mesmo molhado
    Resplandece ao pôr-do-sol
    O campo de algodão."

        Paulo Franchetti

    "Os grilos cantam
    Apenas do meu lado esquerdo -
    Estou ficando velho."

        Paulo Franchetti

    "Às dez da manhã
    O cheiro de eucalipto
    Atravessa a estrada"

        Paulo Franchetti

    "A porteira bate -
    Do meu lado esquerdo,
    A lua de verão."

        Paulo Franchetti

    "Trezentos quilômetros
    Para não vos contemplar -
    Mangueiras da minha infância!"

        Paulo Franchetti

    "Com o vento frio percebo:
    Semanas e semanas
    Sem ouvir insetos."

        Paulo Franchetti

    "Aqui e ali,
    Sobre os campos florescem
    As quaresmeiras."

        Paulo Franchetti

    "A serra em chuva
    Sob o sol poente -
    Como não agradecer?"

        Paulo Franchetti

    "Tarde de inverno:
    Sobe do fundo dos vales
    A sombra das montanhas."

        Paulo Franchetti

    "Os pássaros cantam
    Monotonamente -
    Feriado do ano-novo."

        Paulo Franchetti

    "O bebê resmunga -
    Zune nas venezianas
    O vento do inverno."

        Paulo Franchetti

    "Manhã de frio.
    Se fosse menino escrevia
    Meu nome no vidro."

        Paulo Franchetti

    "Tão pequena
    E desbotada de chuva
    A casa da infância!..."

        Paulo Franchetti

    "Um susto matinal:
    na caixa do correio,
    duas mariposas!"

        Paulo Franchetti

    "Manhã de frio -
    Com o agasalho, visto
    Saudades de minha mãe."

        Paulo Franchetti

    "Demorou este ano,
    Mas de repente, em toda a parte -
    Primavera!"

        Paulo Franchetti

    "Até os pernilongos
    Vão ficando silenciosos -
    Como os anos passam..."

        Paulo Franchetti

    "Árvores da infância -
    E depois a monotonia verde
    Dos canaviais..."

        Paulo Franchetti

    "No terreno baldio
    Ainda cheias de orvalho,
    Campânulas!"

        Paulo Franchetti

    "Quando a chuva pára
    Por uma fresta nas nuvens
    Surge a lua cheia."

        Paulo Franchetti

    "Entre as antenas
    E as casas todas iguais -
    Quaresmeiras!"

        Paulo Franchetti

    "O chofer de táxi -
    Meu pai também, nos dias quentes,
    Assobiava assim."

        Paulo Franchetti

    "Em Cuiabá
    Suando e matando mosquitos,
    Que cruel zazen!"

        Paulo Franchetti

    "Casebres todos pintados
    Na fazenda Cambuí -
    Como é bom estar aqui!"

        Paulo Franchetti

    "Limpo o rosto na camisa -
    O vento começa a trazer
    As primeiras gotas de chuva"

        Paulo Franchetti

    "Quintal do sítio -
    A única forma geométrica
    É a linha de um varal."

        Paulo Franchetti

Biografia


Paulo Franchetti é um crítico literário, escritor e professor brasileiro,nascido em São Paulo.

Franchetti é o diretor da editora da Unicamp, e professor titular no Departamento de Teoria Literária da Universidade. É mestre pela Unicamp, doutor pela USP e publicou mais de 15 obras.

"As coisas muito claras me noturnam."

    Manoel de Barros

"Onde não puderes amar, não te demores..."

    Augusto Branco

"Eu não desisti...apenas não insisto mais."

    Cazuza

"Fácil é sonhar todas as noites. Difícil é lutar por um sonho."

    Carlos Drummond de Andrade

"Os mentirosos estão sempre prontos a jurar."

    Vittorio Alfieri

"Vento

Pastor das nuvens."

    Mario Quintana

"O sexo é o alívio da tensão. O amor é a causa"

    Woody Allen

"Todo o homem é culpado do bem que não fez."

    Voltaire

"Soltar os demônios pode ser muito educativo em certas ocasiões."

    Deepak Chopra

"A maior felicidade é quando a pessoa sabe porque é que é infeliz."

    Fiódor Dostoiévski