"O tempo passa e um pouco de tudo aquilo que nós chamávamos de falsidade se transforma em verdade. Tudo o que foi prazer torna-se um fardo quando não mais o desejamos. Nossa personalidade é uma invenção dos outros. Se sonhar um pouco é perigoso, a solução não é sonhar menos, é sonhar mais. Os dias talvez sejam iguais para um relógio, mas não para um homem. O que reúne e atrai as pessoas não é a semelhança ou identidade de opiniões, senão a identidade de espírito, a mesma espiritualidade ou maneira de ser e entender a vida. Teoricamente sabemos que a Terra gira, mas só não percebemos: o solo que pisamos não parece mexer-se e vivemos tranquilos; o mesmo acontece com o tempo de nossa vida. Trate de conservar um pedaço de céu acima de sua vida. O ciumento suporta melhor a doença da mulher amada do que a liberdade dela."

Marcel Proust


Valentin-Louis-Georges-Eugène-Marcel Proust (10 de Julho de 1871 - 18 de Novembro de 1922) foi um intelectual francês, um escritor de romances e ensaios e crítico literário, conhecido sobretudo pela sua obra "Em busca do tempo perdido" (À la recherche du

Comentários