Machado de Assis foi um escritor e poeta brasileiro. Foi o fundador da Academia Brasileira de Letras e é famoso por muitos de seus livros, como Memórias Póstumas de Brás Cubas, Dom Casmurro, Quincas Borba e O Alienista.

Machado de Assis foi um escritor e poeta brasileiro. Foi o fundador da Academia Brasileira de Letras e é famoso por muitos de seus livros, como Memórias Póstumas de Brás Cubas, Dom Casmurro, Quincas Borba e O Alienista.

Frases e Pensamentos

193 frases no total. Página 6/7, de 151-180

    "A gratidão de quem recebe um benefício é bem menor que o prazer daquele de quem o faz."

        Machado de Assis

    "Tudo é aliado do homem que sabe querer."

        Machado de Assis

    "Matamos o tempo, o tempo nos enterra.

    Memórias Póstumas de Brás Cubas"

        Machado de Assis

    "Convêm que os homens digam o que não sabem e, por ofício, o inverso do que sabem. Assim se forma esta outra incurável: a esperança."

        Machado de Assis

    "Pois o silêncio não tem fisionomia, mas as palavras muitas faces..."

        Machado de Assis

    "O cristianismo é bom para as mulheres e os mendigos


    memórias póstumas de bras cubas"

        Machado de Assis

    "Eu gosto de catar o mínimo e o escondido. Onde ninguém mete o nariz, aí entra o meu, com a curiosidade estreita e aguda que descobre o encoberto."

        Machado de Assis

    "“(...) Marcela amou-me durante quinze meses e onze contos de réis (...)”"

        Machado de Assis

    "Mas o tempo, o tempo caleja a sensibilidade."

        Machado de Assis

    "A melhor definição do amor não vale um beijo."

        Machado de Assis

    "Acomodar-se às circunstâncias do momento, faz hábeis os homens e estimáveis as mulheres."

        Machado de Assis

    "Não se luta contra o destino; o melhor é deixar que nos pegue pelos cabelos e nos arraste até onde queira alçar-nos ou despenhar-nos.
    Esaú e Jacó"

        Machado de Assis

    "Defeitos não fazem mal, quando há vontade e poder de os corrigir."

        Machado de Assis

    "A arte de viver consiste em tirar o maior bem do maior mal"

        Machado de Assis

    "Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho,
    Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas!"

        Machado de Assis

    "Reúno em mim mesmo a teoria e a prática."

        Machado de Assis

    "As coisas valem pelas idéias que nos sugerem."

        Machado de Assis

    "Guarda estes versos que escrevi chorando como um alívio a minha saudade, como um dever do meu amor; e quando houver em ti um eco de saudade, beija estes versos que escrevi chorando."

        Machado de Assis

    "Para as rosas, escreveu alguém, o jardineiro é eterno."

        Machado de Assis

    "Há coisas que melhor se dizem calando."

        Machado de Assis

    "Não te irrites se te pagarem mal um benefício; antes cair das nuvens que de um terceiro andar."

        Machado de Assis

    "Eu não sou homem que recuse elogios. Amo-os; eles fazem bem à alma e até ao corpo. As melhores digestões da minha vida são as dos jantares em que sou brindado."

        Machado de Assis

    "Eu sinto a nostalgia da imoralidade."

        Machado de Assis

    "Esquecer é uma necessidade. A vida é uma lousa, em que o destino, para escrever um novo caso, precisa de apagar o caso escrito."

        Machado de Assis

    "A moral é uma, os pecados são diferentes."

        Machado de Assis

    "A mentira é muita vezes tão involuntária como a respiração."

        Machado de Assis

    "A vida é cheia de obrigações que a gente cumpre por mais vontade que tenha de as infringir deslavadamente."

        Machado de Assis

    "A melhor definição de amor não vale um beijo de moça namorada."

        Machado de Assis

    "Pensamentos valem e vivem pela observação exata ou nova, pela reflexão aguda ou profunda; não menos querem a originalidade, a simplicidade e a graça do dizer."

        Machado de Assis

    "Está morto: podemos elogiá-lo à vontade."

        Machado de Assis

Biografia


Joaquim Maria Machado de Assis (1839 - 1908), foi um escritor e poeta brasileiro, e também o pioneiro como cronista. Foi o fundador da Academia Brasileira de Letras e é famoso por muitos de seus livros, como Memórias Póstumas de Brás Cubas, Dom Casmurro, Quincas Borba e O Alienista.

Com 16 anos, Machado de Assis publicou seu primeiro trabalho literário, o poema "Ela", na revista Marmota Fluminense, e apenas um ano depois consegue seu primeiro emprego como aprendiz de tipógrafo na Imprensa Nacional. É lá que conhece quem se tornaria seu protetor, Manuel Antônio de Almeida, autor da obra Memórias de um Sargento de Milícias.

No ano de 1860, a convite de Quintino Bocaiúva, Machado de Assis passou a fazer parte da redação do jornal Diário do Rio de Janeiro, além de escrever para as revistas O Espelho, A Semana Ilustrada e Jornal das Famílias. Um ano depois, publicou seu primeiro livro, chamado "Queda que as mulheres têm para os tolos".

No dia 28 de janeiro de 1897, Machado de Assis e o escritor José Veríssimo fundaram a Academia Brasileira de Letras e Machado de Assis foi eleito presidente da instituição, cargo que ocupou até sua morte.

Machado de Assis escreveu mais de 50 obras, entre romances, coletâneas de poesidas, contos, mas ficará sempre imortalizado por obras como Quincas Borba, Memórias Póstumas de Brás Cubas, Dom Casmurro e O Alienista.

"As coisas muito claras me noturnam."

    Manoel de Barros

"Onde não puderes amar, não te demores..."

    Augusto Branco

"Eu não desisti...apenas não insisto mais."

    Cazuza

"Fácil é sonhar todas as noites. Difícil é lutar por um sonho."

    Carlos Drummond de Andrade

"Soltar os demônios pode ser muito educativo em certas ocasiões."

    Deepak Chopra

"Todo o homem é culpado do bem que não fez."

    Voltaire

"O sexo é o alívio da tensão. O amor é a causa"

    Woody Allen

"Os mentirosos estão sempre prontos a jurar."

    Vittorio Alfieri

"Vento

Pastor das nuvens."

    Mario Quintana

"A maior felicidade é quando a pessoa sabe porque é que é infeliz."

    Fiódor Dostoiévski