Sobre o Autor

Charles Bukowski

Charles Bukowski foi um poeta e escritor alemão, mas que viveu e morreu nos Estados Unidos. Autor de diversas obras, é um dos escritores mais conhecidos nos EUA.

O mundo inteiro é um saco de merda se rasgando. Não posso salvá-lo.

Os melhores geralmente morrem por suas próprias mãos apenas para escapar e aqueles que ficam pra trás nunca conseguem compreender por que alguem iria querer escapar deles.

Eu gostava do lugar, tinha grandes árvores que davam sombra, e desde que algumas pessoas haviam me dito que eu era feio, sempre preferia a sombra ao sol, a escuridão à luz.

Se você está perdendo sua alma e você sabe disso, então você ainda tem uma alma a perder.

Minha ambição é prejudicado pela preguiça.

Beleza não vale nada e depois não dura. Você nem sabe a sorte que tem de ser feio. Assim quando alguém simpatiza contigo, já sabe que é por outra razão.

É que nem mulher que não presta. Não adianta voltar. Não dá nem pra olhar para ela.

Tem sempre alguém para estragar o dia da gente, senão a vida.

A vida pode ser boa em certos momentos, mas, às vezes, isso depende de nós.

Meu único problema é estar sóbrio.

Nunca espere demais, da sorte ou dos outros, no fim não há quem não decepcione você.

Posso viver sem a grande maioria das pessoas. Elas não me completam, me esvaziam.

Sempre haverá alguma coisa para arruinar nossas vidas. Tudo depende do quê, ou de quem nos encontra antes... Nós estamos sempre maduros e prontos para sermos levados.

O amor é pros que aguentam a sobrecarga psíquica.

Não há nada que ensine mais do que se reorganizar depois do fracasso e seguir em frente.

Eu continuo me perguntando porque me preocupo quando ninguém mais se importa.

Quando a gente acha que chegou no fundo do poço, sempre descobre que pode ir ainda mais fundo. Que escrotidão.

O problema com o mundo é que as pessoas inteligentes estão cheias de dúvidas, enquanto os estúpidos estão cheios de confiança.

o relógio estava funcionando, velho despertador, deus o abençoe, quantas vezes olhei para ele às 7 e meia da manhã, manhãs de ressaca, e disse, foda-se o trabalho? FODA-SE O TRABALHO!

Ser são é fácil, mas pra ser bêbado tem que ter talento.

Quanto mais o tempo passa, menos eu significo pras pessoas e menos elas significam pra mim.

Se você for tentar, tente de verdade. Caso contrário nem comece. Isso pode significar perder tudo. E talvez até sua cabeça. Isso pode significar não comer nada por três ou quatro dias. Isso pode significar congelar num banco de praça. Isso pode significar escárnio, isolamento. Isolamento é uma dádiva. Todo o resto é teste da sua resistência. De quanto você realmente quer fazer isso. E você vai fazer isso, enfrentando rejeições das piores espécies. E isso será melhor do que qualquer coisa que você já imaginou. Se você for tentar, tente de verdade. Não há outro sentimento melhor que isso. Você estará sozinho com os deuses. E as noites vão arder em chamas. Você levará sua vida direto para a risada perfeita. Esta é a única briga boa que existe.

The Laughing Heart Sua vida é a sua vida. Não deixe que ela seja esmagada na fria submissão. Esteja atento. Existem outros caminhos. E em algum lugar, ainda existe luz. Pode não ser muita luz, mas ela vence a escuridão. Esteja atento. Os deuses vão lhe oferecer oportunidades. Conheça-as. Agarre- as. Você não pode vencer a morte, mas você pode vencer a morte durante a vida, às vezes. E quanto mais você aprender a fazer isso, mais luz vai existir. Sua vida é a sua vida. Conheça-a enquanto ela ainda é sua. Você é maravilhoso, os deuses esperam para se deliciar em você.

Sentia-me contente por não estar apaixonado (…) As pessoas apaixonadas tornam-se muitas vezes susceptíveis, perigosas. Perdem o sentido da realidade. Perdem o sentido de humor. Tornam-se nervosas, psicóticas, chatas. Tornam-se, mesmo, assassinas.

´ A dor é estranha. Um gato matando um passarinho, um acidente de carro, um incêndio... A dor chega, BANG, e aí está ela, instalada em você. É real. Aos olhos dos outros, parece que você está de bobeira. Um idiota, de repente. Não há cura pra dor, a menos que você conheça alguém capaz de entender seus sentimentos e saiba como ajudar. ´

Corpo flexível, estranho, sinuoso que nem cobra e fogoso com os olhos: um fogaréu vivo ambulante. Espirito impaciente para romper o molde, incapaz de retê-lo. Os cabelos pretos, longos e sedosos, ondulavam e balancavam ao andar. Sempre muito animada ou então deprimida. Segundo alguns, era louca. Opinião de apáticos que jamais poderiam compreendê-la. E passava a vida a dancar, a namorar e a beijar. Mas, salvo a raras exceções, na hora H sempre encontrava forma de sumir e deixar todo mundo na mão. A mentalidade é que simplesmente destoava das demais: nada tinha de prática. Guardava, inclusive, uma cicatriz indelevel na face esquerda, que em vez de empanar-lhe a beleza, só servia para realçá-la.

...QUANDO JA SE ESTÁ QUASE SEM ALMA E SE TEM CONSCIÊNCIA DISSO, É PORQUE AINDA SE EXISTE. Depois sentava e coNtemplava o mar. Numa hora dessas, torna-se dificil acreditar numa série de coisas, como, por exemplo, que houvesse país como a China e os EUA, ou um lugar como o vietnã, ou que ja tivesse sido criança. Não, pensando bem não era tão inacreditavel assim; a infãncia tinha sido um horror, impossível esquecer isso. E a vida de adulto: todos os empregos, as mulheres, de repente nenhuma, e agora desempregado. Sem ter o que fazer, aos 60 anos. Liquidado. Sem nada. Com um dolar e 20 cents no bolso, o aluguel, pago de antemão por uma semana. O oceano...recapitulou as mulheres na lembrança. Algumas haviam sido boas pra ele, outras não passavam de megeras, interesseiras, meio loucas e tremendamente brutais. Quartos, camas, casas, natais, empregos, cantorias, hospitais, apatia, dias e noites de pura monotonia, sem sentido nenhum, sem chance alguma.

Você tem mais é que comer muita mulher, mulheres bonitas. E escrever uns poemas de amor decentes. Não se preocupe com a idade ou...com os novos talentos, apenas beba mais cerveja. Mais e mais cerveja. Veja o futebol uma vez por semana, escolhe o time que ganha, se possível. Aprender a ganhar é foda, qualquer porcão pode ser um bom perdedor. E não se esqueça de Brahms, de Bach e do teu trago. Não faça muito exercício, durma até o meio-dia. Evite cartões de crédito ou pagar qualquer coisa no dia. Lembre-se: não existe um cu nesse mundo que vale mais do que cem pila. E se você tiver a capacidade de amar, ame primeiro a si mesmo. Mas sempre tenha na cabeça a possibilidade de derrota total, mesmo que a razão dessa derrota seja certa ou errada. Um gostinho de morte cedo não é necessariamente uma coisa ruim. Fique longe de bares, igrejas, museus. Faça como a aranha: seja paciente. O tempo é a cruz de todo mundo mais derrota, traição, solidão. Toda essa sujeira, fique com a cerveja. Cerveja é sangue contínuo, um amor contínuo. Pegue uma boa caneta e um papel, enquanto o mundo acontece, fora da tua janela, risca nele, risca nele com força. Como se fosse uma luta de pesos pesados, faça como o touro no seu primeiro ataque. E lembre-se dos velhões que lutaram tão bem. Hemingway, Dostoievski...se você acha que eles não enlouqueceram em quartos minúsculos, como o que você ta fazendo agora, sem mulheres, sem comida, sem...sem esperança. Beba mais cerveja, ainda da tempo. E se não der, tá tudo bem.

Há um pássaro azul no meu coração que quer sair mas eu sou demasiado duro para ele, e digo, fica aí dentro, não vou deixar ninguém ver-te. Há um pássaro azul no meu coração que quer sair mas eu sou demasiado esperto, só o deixo sair à noite por vezes quando todos estão a dormir. digo-lhe, eu sei que estás aí, por isso não estejas triste. Depois, coloco-o de volta, mas ele canta um pouco lá dentro, não o deixei morrer de todo e dormimos juntos assim com o nosso pacto secreto e é bom o suficiente para fazer um homem chorar, mas eu não choro, e tu?

Não me preocupo com a morte ou não tenho pena de morrer. Parece uma tarefa desgraçada. Quando? Na próxima quarta-feira á noite? Ou quando estiver dormindo? Ou por causa da próxima terrível ressaca? Acidente de trânsito? É uma carga, uma coisa que deve ser feita. E vou morrer sem acreditar em Deus. Isso vai ser bom, posso enfrentá-la de cabeça em pé. É uma coisa que você tem que fazer, como calçar os sapatos de manhã.