Sobre o Autor

Arturo Graf

Arturo Graf (19 de janeiro de 1848 - 31 de maio de 1913), escritor italiano.

O juízo que fazemos dos outros diz o que nós somos.

O amor é como água: sem algo que o agite,estraga

As más ações podem expiar-se; não podem remediar-se.

O homem, quanto mais possui, tanto menos se possui.

Se não tens liberdade interior, que outra liberdade esperas ter?

São pouquíssimos os homens capazes de tolerar, nos outros, os defeitos que eles próprios possuem.

A ingenuidade é uma força que os astutos fazem mal em desprezar.

Quem se despojasse de todas as ilusões, ficaria nu.

Escutai os conselhos de quem muito sabe, mas especialmente os conselhos de quem muito vos ama.