Abel Bonnard (* 19 de dezembro de 1883 - † 31 de maio de 1968) foi um poeta e romancista francês.

Abel Bonnard (* 19 de dezembro de 1883 - † 31 de maio de 1968) foi um poeta e romancista francês.

Frases e Pensamentos

7 frases no total. Página 1/1, de 1-7

    "Andar pra trás... Só se for pra pegar impulso!!"

        Abel Bonnard

    "! Não sou eu que durmo tarde, é o sol que nasce cedo!"

        Abel Bonnard

    "Haja o que houver, os verdadeiros nunca te deixarão na mão."

        Abel Bonnard

    "Se morreres antes de mim, pergunta se podes levar um amigo.(Stone Temple Pilots)"

        Abel Bonnard

    "O amor pode morrer na verdade, a amizade na mentira."

        Abel Bonnard

    "O ser humano consola-se com muitos amigos, quando não encontrou nenhum."

        Abel Bonnard

    "Os verdadeiros amigos são os solitários juntos."

        Abel Bonnard

Biografia


Abel Bonnard é conhecido por ter sido um dos Ministros da Educação de Vichy, de 1942 a 1944, apoiou fortemente a colaboração com a Alemanha. Colunista John Galtier-Boissière viciously foi apelidado o "gestapette", por causa de sua homossexualidade e da sua proximidade com os nazistas.

Em 1932, foi eleito membro da Academia Francesa e excluído em 1944. Condenado à morte à revelia, Bonnard refúgiou-se na Espanha, onde obteve asilo político. Em 1960, ele retornou à França e condenado a dez anos de desterro com efeitos a partir de 1945.

"As coisas muito claras me noturnam."

    Manoel de Barros

"Onde não puderes amar, não te demores..."

    Augusto Branco

"Eu não desisti...apenas não insisto mais."

    Cazuza

"Fácil é sonhar todas as noites. Difícil é lutar por um sonho."

    Carlos Drummond de Andrade

"Os mentirosos estão sempre prontos a jurar."

    Vittorio Alfieri

"Vento

Pastor das nuvens."

    Mario Quintana

"O sexo é o alívio da tensão. O amor é a causa"

    Woody Allen

"Todo o homem é culpado do bem que não fez."

    Voltaire

"Soltar os demônios pode ser muito educativo em certas ocasiões."

    Deepak Chopra

"A maior felicidade é quando a pessoa sabe porque é que é infeliz."

    Fiódor Dostoiévski